Follow by Email

sábado, 22 de setembro de 2012

La amour, la amour, la amour...



Créditos da Imagem à  http://salto15vermelho.blogspot.com.br/2010_08_01_archive.html 
 Confie, e não se deixe levar,
Acredite, e nunca ira acabar,
la amour, não há de acabar,
Só não se esqueça de confiar.
 
La amour, liberta a alma,
La amour, acorrenta o coração,
Nos ilubria e acalma,
Nos torna escravos, solidão.

Os segredos de dois,
Jamais serão de três,
Nunca de quatro,
Ainda que gostem.

La amour,
La amour,
La amour... tão estranho, mas tão belo.

Muito complexo para uma cabeça,
Muito simples para um coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário